Inscreva-se

O Programa







O Viva Rio, em parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro, está selecionando profissionais para trabalhar nas Clínicas da Família, que integram o programa Saúde Presente, em comunidades da Zona Norte e da Zona Sul da cidade.


O Saúde Presente é um modelo eficiente e de sucesso em vários lugares do mundo. O segredo da sua eficácia é muito simples: prevenção e acompanhamento dos pacientes, conhecendo-os para evitar os problemas de saúde.


O programa segue as diretrizes de saúde da família estabelecidas para o Sistema Único de Saúde (SUS), pelo Ministério da Saúde. É uma estratégia de reorientação do modelo assistencial a partir da implantação de equipes multiprofissionais em unidades de saúde básica, como as Clínicas da Família, no Rio de Janeiro.


Estas equipes farão o acompanhamento de um número determinado de famílias, localizadas em uma área geográfica delimitada. A atuação delas se dará por meio de ações de promoção de saúde, prevenção, recuperação, reabilitação de doenças e agravos mais frequentes, além da manutenção da saúde desta comunidade.


Segundo o Ministério da Saúde, as estratégias municipais de saúde da família têm tido um importante papel na reordenação do modelo de atenção básica do SUS, produzindo resultados positivos nos principais indicadores de saúde nas áreas assistidas por estas equipes.


O Médico de Família

O Médico de Família é um profissional que possui um perfil generalista e atua na Atenção Primária, atendendo demandas diversas, desde a criança até o idoso e a todos os gêneros.


Este médico deve ter a disponibilidade para formar vínculos com seus pacientes, fazendo um acompanhamento de longo prazo e conhecendo seu contexto familiar e social.


Promoverá o contato estreito com a comunidade, participando de ações coletivas e realizando visitas domiciliares aos seus pacientes.


Médico de Família

Processo de trabalho
De acordo com a Portaria Nº 648, de 28 de março de 2006, além das características do processo de trabalho das equipes de Atenção Básica, foram definidas as seguintes características do processo de trabalho da Saúde da Família.
1.
Manter atualizado o cadastramento das famílias e dos indivíduos e utilizar, de forma sistemática, os dados para a análise da situação de saúde, considerando as características sociais, econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas do território;

2.
Definição precisa do território de atuação, mapeamento e reconhecimento da área adstrita, que compreenda o segmento populacional determinado, com atualização contínua;

3.
Diagnóstico, programação e implementação das atividades, segundo critérios de risco à saúde, priorizando a solução dos problemas de saúde mais frequentes;

4.
Prática do cuidado familiar ampliado, efetivada por meio do conhecimento da estrutura e da funcionalidade das famílias, o que visa propor intervenções que influenciem os processos de saúde e doença dos indivíduos, das famílias e da própria comunidade;

5.
Trabalho interdisciplinar e em equipe, integrando áreas técnicas e profissionais de diferentes formações;

6.
Promoção e desenvolvimento de ações intersetoriais, buscando parcerias e integrando projetos sociais e setores afins, voltados para a promoção da saúde, de acordo com prioridades e sob a coordenação da gestão municipal;

7.
Valorização dos diversos saberes e práticas na perspectiva de uma abordagem integral e resolutiva, possibilitando a criação de vínculos de confiança com ética, compromisso e respeito;

8.
Promoção e estímulo à participação da comunidade no controle social, no planejamento, na execução e na avaliação das ações; e

9.
Acompanhamento e avaliação sistematica das ações implementadas, visando à readequação do processo de trabalho.


Área de atuação

Conheça a localização das vagas:


Áreas Programáticas 3.3:

Acari, Anchieta, Barros Filho, Coelho Neto, Colégio, Costa Barros, Guadalupe, Irajá, Madureira, Pavuna, Quintino Bocaiúva, Rocha Miranda, Vila Cosmos e Parque Anchieta.


Áreas Programáticas 3.1:

Bonsucesso, Brás de Pina, Complexo do Alemão, Cordovil, Maré, Olaria, Parada de Lucas, Penha, Penha Circular, Ramos, Vigário Geral, Ilha do Governador e Jardim América.


Áreas Programáticas 2.1:

São Conrado, Rocinha, Vidigal, Botafogo, Leme, Copacabana, Flamengo e Gávea.